Presidente do PSC é executado com dois tiros à queima-roupa

3/06/2016 às 10h06

O presidente do Partido Social Cristão (PSC) de Monte Negro (RO) foi assassinado à queima roupa, nesta quinta-feira (2), enquanto conversava com um cliente da empresa dele, na Rua Tiradentes, Setor Boa Vista. Conforme a Polícia Militar (PM), a vítima, Wilson Antônio Barbosa, estava na frente de um estabelecimento comercial quando o suspeito chegou em uma moto, desceu e atirou na cabeça de Wilson. Após a vítima cair no chão, o suspeito efetuou outro disparo na cabeça da vítima. O suspeito não foi localizado.

Conforme a PM, a vítima parou na frente do estabelecimento para conversar e receber o pagamento de um cliente, quando em determinado momento o suspeito chegou em uma motocicleta e caminhou na direção do presidente do diretório do PSC, que também era empresário em Monte Negro, no Vale do Jamari.

Ao se aproximar de Wilson, o infrator sacou uma pistola calibre 9 mm e efetuou um disparo à queima roupa na cabeça da vítima. Depois que a vítima caiu no chão, o suspeito ainda efetuou mais outro disparo na região da cabeça e em seguida retornou para a motocicleta e fugiu. A vítima morreu no local.

Segundo testemunhas, o homem com quem a vítima conversa correu para o interior de um bar durante o homicídio e não conseguiu identificar o suspeito. Ao coletar as informações, amigos do empresário relataram que recentemente Wilson recebeu diversas ameaças de morte, mas não souberam quem estava ameaçando.

A perícia técnica foi solicitada e, após realizar os trabalhos que devem auxiliar nas investigações do crime, encaminhou o corpo até o Instituto Médico Legal (IML) de Ariquemes. O suspeito não foi localizado. O crime foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Ariquemes, onde será investigado.